Referente na região

Com a proposta de posicionar o MERCOSUL como referente de cooperação na região, o Grupo de Cooperação Internacional (GCI) organizou durante a semana passada várias atividades no âmbito da cooperação. Entre as principais, foi ralizado um seminário no dia 19, com o objetivo de dimensionar a Integração da Cooperação Internacional no âmbito da Agenda 2030. Oportunidades e potencialidades a partir do espaço regional-MERCOSUL

A Oficina aconteceu na Sede do Edifício MERCOSUL, no âmbito da Presidência Pro Tempore do Uruguai do MERCOSUL (PPTU), como espaço de articulação e diálogo entre o MERCOSUL -através do Grupo de Cooperação Internacional- com os diferentes sócios cooperantes no país, com a finalidade de potencializar e escalar os resultados alcançados no âmbito dos projetos intrarregionais, como gerar possíveis ações e facilitar o processo de identificação de cooperantes, programas e acordos de cooperação. Isso se alinha com a Agenda 2030 em geral e com os ODS em particular, especialmente com o ODS 17 “Alianças para alcançar os Objetivos”.

Entre alguns dos objetivos, busca-se gerar possíveis sinergias entre projetos de cooperação na órbita do GCI-MERCOSUL e sócios cooperantes; a apresentação da política e da estratégia de cooperação internacional; o desenho de projetos transversais que envolvam pelo menos três órgãos ou foros do bloco; a identificação de convocatórias e possíveis estratégias de cooperação Sul-Sul e Triangular com sócios cooperantes no âmbito do ODS 17.

O seminário foi destinado a foros e órgãos do MERCOSUL; sócios cooperantes: a Agência Espanhola de Cooperação Internacional para o Desenvolvimento (AECID), a União Europeia (UE), o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), o Banco de Desenvolvimento da América Latina (CAF); a Secretaria Geral Ibero-americana (SEGIB); a Organização Internacional para as Migrações (OIM), entre outros.

Além do seminário, os dias 17 e 18, foi realizada a 17º Reunião Ordinária do GCI, que tratará, entre outros pontos, sobre o seguimento e carteira de projetos de cooperação internacional, tais como: “MERCOSUL-AECID, Proposta das Mulheres Afrodescendentes do MERCOSUL;” “MERCOSUL-Organização Pan-americana da Saúde, Capacitação técnica sobre doação e transplante”; “MERCOSUL – União Europeia, Projeto Biotech II.”

Fonte: PPTU-AUCI/UCIM

 

2018-10-29T14:22:22+00:0028 de outubro de 2018|Cooperação, Destacados, Presidência uruguaia, Reuniões|

Pesquisa de Satisfação

Esta pesquisa não levará mais de 3 minutos e servirá para melhorar a página eletrônica MERCOSUL!
Eu quero participar
Obrigado pela sua contribuição!
close-link
Pesquisa